Assistam essa propaganda sobre uma mãe adotiva transgênera e tente não se emocionar.

A Vick fez cair alguns ciscos no meu olho com essa campanha.

O vídeo, que gira em torno de uma filha adotiva e sua mãe, é narrado pela própria garota, a Gayatri, enquanto vamos conhecendo sua história, como virou orfã e sobre sua nova mãe. Criado pela Publicis Singapura, o vídeo mostra o relacionamento de Gayatri com sua mãe adotiva. O amor, cuidado, a rotina. Mostra como a mãe deseja que se torne médica e como elas gostam de passar o tempo juntas, comer sua comida favorita e também assistir filmes de terror. Coisas de mãe e filha, família <3 E no final é a gente quem transborda de amor e emoção, além da reflexão que é impossível não fazer qunado Gayatri explica porque não será médica e sim, uma advogada.

Assista:

“Meu livro de Código Civil diz que todas as pessoas têm direito a direitos básicos. Então porque à minha mãe isso é negado? É por isso que eu não vou ser uma médica, vou ser uma advogada…para a minha mãe.”

mae-trans

A campanha não é brasileira mas se encaixa em nossa realidade fácil. Estamos conquistando aos poucos alguns direitos LGBTs com muita luta, muita discussão, quebra de estereótipos, preconceitos e, principalmente, muitas mortes. As pessoas trans são as que mais sofrem com isso e o Brasil está no topo do ranking dos países mais transfóbicos do mundo.

É muito importante a representatividade em todas as esferas artísticas e publicitárias. Além disso, quando uma marca grande reconhecida se posiciona sobre o tema, chamando a população para a conversa, traz discussões que podem ser esclarecedoras e contribuir para a mudança de muitas realidades.

 

Celine Ramos
Baiana, feminista, negra e publicitária. Fundadora do SouBetina. Vivo na ponte-aérea Salvador-São Paulo. <3