#OndeIr Bar da Dida (SP)

Poucas vezes encontramos um local predominantemente lésbico! Normalmente os locais são voltados para o público gay masculino ou misto, sempre com uma presença maior dos homens. Desta vez encontramos um local em Sampa que podemos chamar de nosso. Pelo menos foi assim no dia em que estivemos por lá. O lugar é o Bar da Dida, que fica na região dos Jardins na cidade de São Paulo.

banner.fw (Cópia em conflito de Celine 2015-09-24)

O público começa a chegar logo depois que o bar abre, a partir das 18:30. Se você chega depois das 20:00h, certamente terá um pouco de dificuldade para arrumar uma mesinha. Mas, a espera pode valer a pena, tudo para se “sentir em casa”. O bar tem um estilo de boteco totalmente despretensioso. A maioria das mesas de plástico iluminadas por velinhas fica espalhada em uma área aberta que dá para a calçada da rua, criando um clima simples e intimista. As meninas chegam geralmente em grupos e os homens que identificamos por lá nada mais eram que amigos gays dessas meninas. Ou seja, o forte mesmo são as mulheres. Oh glória!

Sendo maioria de mulheres na faixa dos seus 25 – 37 anos, tinha de tudo por lá: grupo de casais, casais sozinhos e grupo de amigas (acompanhadas de seus BFFs). Dá pra ir paquerar, conversar, fazer o esquenta daquela balada mais tarde, ver e ser vista, e ainda tomar uns bons drink no bar que podemos chamar de reduto das sapatões.

Se você ainda não conhece o Bar da Dida, anda carente de lugares novos e está cansada de ver aquelas mesmas carinhas nos bares já conhecidos e reconhecidos, experimente um happy hour na sexta-feira ou um começo de noite no sábado e lhe garanto que pode ser muito proveitoso. =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.