Categoria: Livros Lés

I Congresso Nacional Online de Literatura Queer (gratuito)

Com data marcada para Março de 2017, brasileiros ganham seu primeiro congresso nacional, online e gratuito de livros com temática LGBT.

 

Literatura Gay“, “Literatura LGBT“, “Literatura LGBTTT“, “Literatura Lésbica” ou “Literatura Queer” é o nome dado ao conjunto de livros com temática LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros), escritos ou não por autores LGBTs, e direcionados ou não para o público LGBT.
Embora alguns não gostem destas classificações, muitos autores as entendem como um movimento político: unindo, incentivando, compartilhando e promovendo livros com temática LGBT.

Idealizado pelo jornalista, bacharel em psicologia e autor de livros com esta temática, Fabrício Viana, o “I Congresso Nacional Online de Literatura Queer” é um evento 100% online e gratuito que tem como principal objetivo unir editores, escritores e leitores de livros com temática LGBT.

Tenho observado um aumento significativo na produção literária queer nos últimos anos. São autores independentes, editoras e diversos profissionais produzindo literatura assumidamente LGBT. Porém, somos muitos e infelizmente estamos dispersos. A ideia do Congresso Nacional Online de Literatura Queer é justamente unir todas estas pessoas. Unir leitores, autores e editores e, assim, potencializar a promoção de todos, para todos.”, explica Viana.

literatura-queer

 

Até o momento, o I Congresso Nacional Online de Literatura Queer tem 23 palestrantes confirmados: Laura Bacelar, Roberto Muniz Dias, Lea Carvalho, Juliana Albuquerque, Diedra Roiz, Sérgio Viula, Mariana Veiga, Kris Barz, Hanna Korich, Tales Gubes, Enrique Coimbra, Moa Sipriano, Kátia Viula, Alexandre Willer Melo, Occello Oliver, Alexandre Rabelo, Rafael Farias Teixeira, Lorena Miyuki, Ícaro Trindade, Marli Porto e Karina Dias.

Convidei individualmente todas estas pessoas. Porém, suas biografias e temas de suas palestras só entrarão no site nas próximas semanas. São pessoas com trabalhos fantásticos e que irão se dividir em temas que já dominam, como ‘O mercado literário’, ‘A importância de personagens LGBTs na literatura’, ‘Publicação’, ‘Autopublicação’, ‘Como criar personagens LGBTs’, ‘A história da literatura queer’, ‘Escrita criativa’, ‘Como escrever seu livro’, ‘Gêneros literários’, entre outros.”, completa Viana.

Para participar é fácil, basta entrar no endereço www.literaturaqueer.com.br e preencher os dados da ficha de inscrição. O evento, marcado para ocorrer entre os dias 27 de Março e 02 de Abril de 2017, também tem uma página no Facebook:http://facebook.com/literaturaqueer

Até a data do evento, outros palestrantes serão divulgados. A criação do evento está, realmente, agradando muita gente. Estamos fazendo história. A nossa história.”, finaliza Viana.

 

Serviço:

I Congresso Nacional Online de Literatura Queer

De 27 de Março à 02 de Abril de 2017

Inscrições gratuitas no endereço: http://www.literaturaqueer.com.br

 

Celine Ramos
Baiana, feminista, negra e publicitária. Fundadora do SouBetina. Vivo na ponte-aérea Salvador-São Paulo. <3

#LivroLes | Transformação

Sinto dizer que Renata e Luciana são personagens fictícias, mas tão ficcionalmente reais que representam muito bem a mim e a tantas garotas que crescem em seus grupos sociais e, de algum modo, percebem-se, aos poucos, sendo encaixadas, moldadas na forma padrão que nossa sociedade cultua como certa, como a que serve para todos os homens, todas as mulheres e tudo aquilo em que se caiba um rótulo.

transformacao

A Ana Paula desenvolvia-se nessa forma devidamente ro-tulada conforme as “regras” e a tradição dos “bons” costumes vigentes. Mas, por mais que se esforçasse para se acomodar confortavelmente nessa forma, não era possível. Uma perna, um cotovelo sempre cavam de fora. Então Ana criou Mariana Cortez, um nome apenas, mas um nome que a fazia livre para criar personagens que também eram livres para trilhar caminhos seus, sem formas, sem rótulos colados por uma sociedade muitas vezes hipócrita, que se esconde embaixo de tetos de vidro. Continue lendo

Celine Ramos
Baiana, feminista, negra e publicitária. Fundadora do SouBetina. Vivo na ponte-aérea Salvador-São Paulo. <3

Coletânea LGBT: Autor dá de presente 100 exemplares impressos! Corra!

Fabrício Viana é jornalista, escritor e bacharel em psicologia, em seis anos ele já escreveu e publicou quatro livros com temática LGBT: O Armário (sobre a homossexualidade), Ursos Perversos (contos eróticos gays), Orgias Literárias da Tribo (coletânea LGBT premiada duas vezes em 2015) e o recente THEUS: Do fogo à busca de si mesmo (romance com temática gay).

Para comemorar mais de 20 mil leitores, Viana está dando, de graça, 100 exemplares da coletânea Orgias Literárias da Tribo. A única coletânea no Brasil onde é possível encontrar pelo menos um autor representando cada segmento LGBT.

ORGIAS LITERARIAS Continue lendo

Celine Ramos
Baiana, feminista, negra e publicitária. Fundadora do SouBetina. Vivo na ponte-aérea Salvador-São Paulo. <3

#TeatroInfantil A princesa e a Costureira – A peça

Já falamos aqui sobre o primeiro conto de fadas infantil que tem como romance principal um casal de lésbicas. <3 A princesa e a costureira, da escritora e psicóloga Janaína Leslão. E agora o livro virou uma peça infantil e estará em cartaz no Centro Cultural São Paulo (CCSP) até 4 de setembro. As apresentações acontecem aos sábados e domingos, a partir das 16 horas.

Uma das principais preocupações do espetáculo infantil é inventar histórias que convidem crianças e adultos a refletir sobre as múltiplas possibilidades de afeto entre pessoas. A peça, assim como o livro, conta a história da jovem princesa Cíntia, que está prometida em casamento para o príncipe do reino vizinho, Febo. Mesmo não o amando, ela se resigna a ter como companheiro de vida seu melhor amigo. Porém, durante os preparativos para a cerimônia, Cíntia se apaixona por Isthar, costureira responsável por confeccionar seu vestido de noiva.

princesa cartaz Continue lendo

Celine Ramos
Baiana, feminista, negra e publicitária. Fundadora do SouBetina. Vivo na ponte-aérea Salvador-São Paulo. <3